Garimpo · Música

Garimpo: Algel Olsen (Ao Vivo na NPR Music)

As árvores balançam ao fundo e dá até para ouvir o vento passando por entre os galhos. O sol brilha tímido e é quase possível sentir o cheiro de ar fresco.

É com esse visual ao fundo que a Angel Olsen gravou sua participação no Tiny Desk Concert, uma série de apresentações que acontecem no canal da NPR Music.

Há poucos dias escrevi aqui sobre o Whole New Mess, disco mais recente dela, e um pouco da sensação que esse trabalho causa. Só que ao vivo, suas músicas soam ainda mais aconchegantes.

O setlist é curto. São três músicas desse disco: a faixa-título, “What It Is (What It Is)” e “Waving, Smiling”. Ela também toca “Iota”, canção do álbum de 2014, Burn Your Fire for No Witness.

Curioso é que essa curta apresentação combina com a atual situação climática de onde moro: dia nublado, sol cabisbaixo e temperatura agradável.

Direto do Forno · Garimpo · Música

Garimpo: Angel Olsen – Whole New Mess

Gravado no final de 2018 no corredor de uma capela, para que a voz ganhasse efeitos mais naturais, Whole New Mess é o quinto disco da Angel Olsen, lançado pela Jagjaguwar no dia 28 de agosto. Ele é traz as canções do disco anterior, o elogiado All Mirrors, de 2019, mas em um formato mais intimista.

As músicas foram escritas em um período difícil para a artista, onde ela passava por um término de relacionamento. Por isso a roupagem delicada e melancólica, mas sem parecer meloso.

Em certos momentos, Whole New Mess lembrou o Nebraska (1982), do Bruce Springsteen, devido à abordagem simples e crua das canções.

É um disco que tenho ouvido do início ao fim por várias vezes durante o dia e sem enjoar.

Direto do Forno · Música

+2 do Jeff Tweedy

Pode ser apenas o cérebro cansado ou até mesmo a vontade de ouvir algo parecido novamente, mas as duas músicas novas do Jeff Tweedy me lembraram o Yankee Hotel Foxtrot (2002) em certos momentos, principalmente “Love Is The King”. Essa também leva o nome do disco, que será lançado daqui a exato um mês.

O segundo single é “Guess Again”, mais pop, mais folk, mais country, mais Wilco em início de carreira, mas também ótima, como é o padrão dos trabalhos de Tweedy.

Me agrada muito esse Jeff Tweedy workaholic, sempre lançando suas músicas, seja com o Wilco, em carreira solo ou nos vários projetos paralelos. É daqueles artistas que precisamos exaltar ainda em vida, pois o mesmo merece todos esses créditos.

Direto do Forno · Música

Wilco – Love Is Everywhere [Beware] (Single)

É difícil segurar a empolgação quando uma banda ou artista que gosto bastante divulga um novo trabalho, mas quando o nome faz parte de sua lista de “favoritos”, é impossível não aguardar algo grandioso.

O Wilco faz parte da minha vida há anos e sua música é trilha sonora de momentos de suma importância para mim. Por isso, descobrir que eles estão com um disco pronto para sair do forno ainda esse ano foi motivo de pura euforia por aqui.

“Love Is Everywhere (Beware)” é o primeiro single de Ode To Joy, o décimo primeiro álbum do conjunto liderado por Jeff Tweedy, que chega à Terra por completo no dia 04 de outubro. O selo responsável pelo lançamento pertence à própria banda e se chama dBpm Records.

O Wilco vem de dois discos que não causaram tanto alarde (Star Wars, de 2015, e Schmilco, de 2016) , mas que expandiram ainda mais o som da banda para além das fronteiras do folk/alt.country, e parece que assim eles permanecem: em busca de novos horizontes sonoros.

Direto do Forno · Música

Lenny Pistol – Despise (Single)

Quietude é o substantivo que melhor define “Despise”, o mais novo single liberado por Lenny Pistol para o seu trabalho de estreia, o EP intitulado “Pistill Boy”, que ganhará vida em primeiro de fevereiro.

Fiel à estética lo-fi, o garoto é munido somente de um violão e alguns tímidos elementos eletrônicos, que acompanham sua doce e calma voz lentamente, como um pequeno transe acústico. O repeat já foi pressionado por aqui cinco vezes, no mínimo.

O EP chega através da Luik Records, uma interessante gravadora belga focada em projetos dos mais variados estilos. Vale a conferida.

Direto do Forno · Música

O novo do Will Oldham: Songs of Love and Horror

A melancolia é o carro-chefe de “Songs of Love and Horror”, disco em que o cantor e compositor Will Oldham deixa de lado seu alter-ego Bonnie ‘Prince’ Billy e assina como si mesmo as doze belas e delicadas canções.

Conduzido por completo por apenas voz e violão, “Songs of Love and Horror” é uma visita do artista por canções de sua discografia, seja como Bonnie ‘Prince Billy’ ou Palace Music, adotando uma estética mais intimista e caseira. Em alguns momentos, a carga emocional é tão forte que incomoda, no bom sentido, o ouvinte, mostrando o quão pesados são os versos presentes no disco, bem como a voz de Oldham.

Assumir um trabalho assim sem um personagem por trás é um ato de coragem por parte do cantor, e uma forma de expurgar as suas emoções como um vento forte varrendo as impurezas de seu interior.

Ótimo para ouvir com um vinho ao lado.

1. I See a Darkness
2. Ohio River Boat Song
3. So Far and Here We Are
4. The Way
5. Wai
6. The Glory Goes
7. Only Someone Running
8. Big Friday
9. Most People
10. Strange Affair
11. New Partner
12. Party with Marty (Abstract Blues)

 

Direto do Forno · Música

Do Forno: O novo do Kurt Vile

Anunciado o novo disco de estúdio do cantor e compositor estadunidense Kurt Vile, um dos artistas mais interessantes que surgiram no século 21.

“Bottle It In” está com o lançamento marcado para o dia 12 de outubro desse ano, pela Matador Records. Junto ao anúncio do álbum, o videoclipe da canção “Bassackwards”, uma espécie de psicodelia folk com quase dez minutos de duração, também foi liberado.

Com uma estética bem vintage, contendo alguns glitches e cores desbotadas, o vídeo mostra vários momentos de um grupo de pessoas se divertindo em uma praia. Pela sonoridade e letra da música, é como se o artista revisitasse um passado distante através de registros da época de suas lembranças.

Vale mencionar que Kurt Vile já havia lançado um novo single algumas semanas atrás, “Loading Zones”, porém, não encontrei informações se ele estará presente no novo disco.

Confira abaixo a capa de “Bottle It In” e o videoclipe de “Bassackwards”.